quarta-feira, 3 de abril de 2013

RELATO DE VIVÊNCIAS NO BERÇÁRIO



BRINCANDO COM ROLINHOS DE PAPEL:

A novidade do dia foi algo bem simples, mas que proporcionou grande aprendizado e descobertas entre os bebês: o material utilizado foram os rolinhos de papel higiênico.
Em um primeiro momento disponibilizei os rolinhos no meio da roda para que os bebês pudessem manuseá-los livremente. Todos, sem exceção pegaram pelo menos 1 rolinho do chão. 
A Emmanuely colocou no braço formando uma pulseira, depois quis colocar na boca, imitando o gesto de Isabella.


Com a ajuda da Daiane, peguei um rolinho e comecei a emitir sons, falando o nome dos bebês. Depois fiz sons simples como de gato, de pintinho e de cachorro. 
O Lorenzo ria da brincadeira e a Maria tentava imitar o som também. Teve um momento em que todos tentavam emitir um som, colocando o rolinho próximo à boca para poderem imitar o adulto. Nesta faixa etária é muito frequente os bebês imitarem seus pares ou os adultos que estão ao seu redor, pois através da imitação eles estão aprendendo a conhecer o mundo.

Quando percebi que a Isabella tentava colocar um rolinho em cima do outro, resolvi aproveitar a oportunidade para fazer uma torre e deixar que ela tentasse me ajudar a colocar mais rolinhos. Ela respondeu ao estímulo colocando o rolinho e rindo quando via todos caírem pelo chão. 

O Leandro tentava colocar um rolo dentro do outro, pois ele havia encontrado um rolo mais fino que os demais e, por isso, conseguia encaixa-lo dentro de outro. É muito interessante ver o quanto eles gostam de manusear materiais recicláveis. Eu já havia observado em outra ocasião o Mateus tampando uma lata de massa de tomate e batendo-a no chão.

Quando percebi que os bebês já estavam dispersando, peguei um barbante e amarrei uma das pontas na grade da porta. 
Em seguida, pedi a ajuda dos bebês para recolherem os rolinhos do chão para que eu pudesse colocá-los pendurados. Eles continuaram me observando e só passaram a recolher os rolinhos quando me viram colocar alguns no barbante. Aí rapidamente a Maria, o Lorenzo e a Manu começaram a catar os rolinhos e me entregar, observando o modo como eu os colocava no barbante. A Isabella até quis tentar colocar, mas assim que ele caiu no chão ela desistiu.

Ao recolher todos os rolos do chão, amarrei a outra ponta do barbante na janela e passei a movimentar os rolinhos no barbante, de um lado para o outro. Imediatamente a Maria e a Manu passaram a me imitar também, tentando empurrar os rolinhos.


Observei que o Leandro, mesmo sentado, deu um jeito de se arrastar até o varal de rolinhos e também passou a manipulá-los, empurrando-os de um lado ao outro acompanhado da Isabella

Com exceção da Kamilly que continuava sentada no colo da Cida e quis participar apenas observando a situação, os demais se empolgaram com o varal e quando me viram passando por baixo, logo começaram a engatinhar atrás de mim.

 
Agora que tal aumentar o desafio e pedir que os bebês passem por cima do varal? Mais que depressa a Maria topou e se divertiu passando na parte mais baixa do varal, sendo observada pelos demais bebês.


Peguei o Leandro para participar também e ele gostou muito, sorrindo e olhando para a Cida. Para a brincadeira ficar mais desafiadora, passei a erguer o varal e pedir que tentassem pegá-lo. A Maria dava gritos de alegria achando graça quando não conseguia pegar.  Os bebês também inventavam novas ideiais e funções para os rolinhos de papel. A Maria pegou o seu rolo e colocou em um dos olhos, feliz por me observar de dentro do material.


Por ultimo, para finalizar nossas brincadeiras com rolinhos de papel, convidei o grupo para pintarem os rolinhos com tinta guache. Foi uma lambança só, era tinta para todo o lado, na boca, nas mãos, no chão da sala. Todo mundo ficou roxo, por conta da tinta. Eles riam ao verem suas imagens refletidas no espelho.


Sem dúvida foi uma experiência muito enriquecedora tanto para os bebês como para mim que tive o prazer de observá-los e aprender com eles.

********************** PROFESSORA MARA *********************************

Um comentário:

Cláudia Eliza disse...

OI Mara, adorei essa atividade, vou tentar com os meus. Bjs!!